Ir para conteúdo



Foto

Incrível: o menor LED do mundo tem a grossura de apenas 3 átomos


  • Por favor, faça o login para responder
Não há respostas para este tópico

#1

seiken

    Membro Platinum PluS

  • Membro Prime
  • PipPipPipPipPipPipPip
  • 24.925 posts

Postado 11 Mar 2014 - 12:16

Novidade é feita para futuramente servir de fonte de luz para aparelhos eletrônicos e é 10 mil vezes mais fina do que um cabelo humano

 

34018076010174026-t640.jpg

Reprodução de como o novo LED microscópico é. (Fonte da imagem: Reprodução/PhysOrg)

 

Hoje em dia, o tamanho de aparelhos e componentes eletrônicos "luta" para ser cada vez menor — afinal de contas, a tecnologia de produção desses produtos não evolui de um dia para o outro. Apesar disso, uma equipe de pesquisadores da Universidade de Washington conseguiu realizar algo bastante marcante relacionado a esse assunto.

 

De acordo com o que está sendo divulgado, os estudiosos conseguiram construir a menor lâmpada LED do mundo que pode ser utilizada em dispositivos eletrônicos. Você deve estar se perguntando o quão pequena essa novidade deve ser, não é mesmo? Pois se prepare para a resposta: ela tem apenas 3 átomos de grossura.

 

Muito, muito, muito fina...

 

Dessa maneira, o novo LED não pode ser visto a olho nu e é menor do que praticamente tudo o que você conhece — para ser mais exato, esta lâmpada é 10 mil vezes mais fina do que um fio de cabelo. Apesar de contar com dimensões reduzidas, a novidade pode é um semicondutor é pode ser utilizada da mesma maneira que outras tecnologias de silicone em três dimensões.

 

Além disso, a pequena lâmpada também é capaz de emitir uma quantidade suficiente de luz para ser captada por instrumentos de medição regulares, assim como explicou Jason Ross, que é cientista de materiais na Universidade de Washington e um dos envolvidos no projeto. Sendo assim, pode ser que a manipulação deste LED seja mais simples do que se imagina.

 

Um futuro que pode ser grande

 

No entanto, as características marcantes dessa novidade não terminam por aqui. A nova lâmpada é tão fina que não chega a ser considerada um objeto 3D, além de também ser muito resistente e flexível. Dessa maneira, cientistas estadunidenses esperam utilizar o LED para construir computadores que utilizem luz no lugar de eletricidade.

 
 

É claro que resultados importantes como a criação de um novo tipo de máquina deve demorar para acontecer, mas é interessante saber que há pessoas realmente engajadas em projetos como esse, não é mesmo?

 

 

Fonte: PhysOrg

 

 

Créditos: Rafael Gazzarrini do TecMundo


Não respondo dúvidas via email, caixa de entrada ou mensagem privada. Procure o fórum sobre seu aparelho e crie um tópico novo com a dúvida, assim não somente eu mas qualquer membro poderá ajudá-lo.