Ir para conteúdo



Foto

[Review] Motorola MB502


  • Por favor, faça o login para responder
Não há respostas para este tópico

#1

Andrea77

    Super Administradora

  • S. Administradores
  • 4.269 posts

Postado 02 Ago 2011 - 13:56

Se o que você procura é um Android que custe menos de R$ 1000, mas que não tenha cara de brinquedo, ou que seja algo grande e complexo, você vai gostar do MB502 da Motorola. Seu jeito de Blackberry atrai executivos e pessoas que precisam de produtividade aliada a mobilidade. Esqueça a idéia de jogar, ouvir música ou assistir a vídeos, você até pode, mas se o objetivo principal é esse, talvez não seja o dispositivo mais indicado. Agora, se a idéia é acessar emails, se conectar a redes sociais, compartilhar mídia e navegar na internet, o aparelho cumpre muito bem essas funções.


[ATTACH]24744.vB[/ATTACH]

Tela e acessibilidade

Infelizmente a tela não é o grande destaque do MB502. Não por ser pequena, mas devido à baixa resolução. Apesar do eficiente touchscreen, o LCD TFT de 2,8 polegadas tem míseros 320×240 pixels de resolução. Isso acarreta na dificuldade de leitura e torna o aparelho uma opção ruim para assistir vídeos.

Por outro lado, a Motorola tem suas excentricidade bacanas e bem vindas, a mais interessante é o BackPad, uma espécie de trackpad localizada na traseira do aparelho. Em pouco tempo, o usuário tende a substituir o toque na tela pelo Backpad, poupando o LCD de manchas.

O modelo apresenta poucos botões físicos: na lateral esquerda o botão de volume e na parte superior o botão de liga e desliga. O disparo da câmera existe, mas fica junto ao teclado. Na frente, abaixo da tela, os tradicionais comandos do Android: menu, selecionar e home.

O teclado QWERTY físico é responsável pelas inevitáveis comparações com o Blackberry, Nokia E71/E72 e alguns Palms. Apesar das teclas serem menores que a do Flipout, e não possuírem o revelo tão destacado, o teclado do MB502 se mostra eficiente e confortável.

Conectividade e Internet

Sobre conexões, o MB502 está muito bem servido. A lista inclui Wi-fi b, g e n, Bluetooth 2.0, 3G, A-GPS e as conexões de cabo: jack 3.5mm para áudio e MiniUSB 2 para dados. Tudo funciona muito bem exceto pelo GPS que não é perfeito e demora um pouco mais para encontrar um satélite do que outros dispositivos similares.

Se a idéia é estar conectado 24 horas por dia, a interface Motoblur ajuda muito. Ela cria uma tela com feed RSS e atualizações de redes sociais. Pelo Android Market é possível encontrar milhares de aplicativos para web. A conectividade aliada aos aplicativos certos, são garantias de navegação rápida e economia de dados.

Câmera

Provavelmente não era a prioridade. São 3 megapixel, sem autofocus e sem flash. A qualidade das fotos não é das melhores, mas serve para registrar bons momentos. Você pode usar alguns aplicativos como o Vignette ou o Camera360 para abusar dos efeitos, ou ainda lançar mão dos recursos nativos como fotos panorâmicas para fazer melhor uso da câmera. Vídeo também não é um ponto forte, filmes ficaram restringidos a 352×288 megapixel de resolução em 25 fps.

Processador e memória

O aparelho possui um bom processador Omap de 600Mhz. Não satisfeitos, a Motorola decidiu equipar o modelo com 516MB de memória, que serão muito uteis, já que o Android 2.1, que equipa o modelo, não permite rodar aplicativos direto do armazenamento externo, que pode ser expandido para até 32GB com uso de cartão MicroSD.

Design

O MB502 é marcado pelo grande teclado QWERTY que ocupa quase 1/3 do aparelho. Com linhas sóbrias, o formato quadrado com bordas arredondadas e simétricas, ganha ares de um celular para profissionais e executivos. Com pouco mais de 1 cm de espessura, ele não faz volume no bolso e é muito confortável de usar (se sua mão for muito pequena a largura pode incomodar um pouco).

Sistema Operacional

Outra vantagem do Motorola MB502 é o seu Sistema Operacional. Ele é um dos poucos dispositivos Android na versão 2.1 que custam menos de 900 Reais. O sistema operacional da Google trás diversas vantagens como multi-tasking (rodar aplicativos ao mesmo tempo) e milhares de apps com preços acessíveis ou de graça para baixar e instalar através do Android Market. Aplicativos nativos também são muito úteis, especialmente o Economizador de Dados, que desativa a transmissão de dados enquanto o celular estiver inativo.

[ATTACH]24745.vB[/ATTACH]

Prós

Bom custo benefício.
Processador e memória.
Design bonito e funcional.

Contras

Tela com baixa resolução.
Câmera sem flash e autofocus.
Baixa autonomia da bateria.

Conclusão

O Motorola MB502 (que no exterior é chamado de Charm) chegou para preencher uma lacuna grande no mercado de smartphones. Um celular eficiente, rodando uma versão recente do Android, voltado para produtividade, com ares de seriedade, como um Blackberry ou os irmãos E71 e E72 da Nokia. A tela é touch e divide espaço com o teclado QWERTY físico.


Fonte: Beline Cidral Para o TechTudo

Arquivo(s) anexado(s)


"Antes de me Criticar .... Tente me Superar!!!"